alinhadores ortodônticos invisíveis

Alinhadores ortodônticos invisíveis: novidade na odontologia

As pessoas que precisam corrigir o alinhamento dos dentes não possuem mais apenas o aparelho fixo ou móvel como opção. Quem preza pela discrição e quer se livrar de bráquetes, fios, borrachinhas e aquela placa de plástico no céu da boca, tem agora como nova opção de tratamento ortodôntico os alinhadores ortodônticos invisíveis.

Essa novidade surgiu e foi desenvolvida nos Estados Unidos em 1998, e hoje se encontra por cerca de 80 países, incluindo o Brasil. Seu grande diferencial está no planejamento virtual que os alinhadores ortodônticos invisíveis proporcionam. Através da tecnologia 3D o paciente consegue ter uma projeção de como o tratamento irá decorrer, se evoluir, e também pode ter projeções de resultados.

Alinhadores ortodônticos invisíveis na prática

Os alinhadores ortodônticos invisíveis chegam com a oferta de alinhar os dentes através da associação funcional e estética. E tudo isso de forma confortável, simples e causando o mínimo de incômodo para os pacientes. Além disso, os benefícios dos alinhadores incluem:

  • Personalização: são feitos sob medida para cada paciente;
  • Máxima transparência: o que garante um belo sorriso sem comprometer a aparência do paciente na decorrência do tratamento;
  • Fácil remoção: o que resulta em maior conforto e na facilitação de uma boa higiene bucal;
  • Planejamento: o paciente já tem uma previsão quase exata de quanto tempo o tratamento vai durar e quais serão os resultados antes mesmo do tratamento começar.

Lembrando que cada estágio do tratamento requer um modelo estereolitográfico diferente. Por isso, quem fizer o tratamento com alinhadores ortodônticos invisíveis não pode deixar fazer visitas frequentes ao ortodontista responsável pelo tratamento. Cada molde precisa ser trocado, em média, a cada duas semanas.

Quando alinhadores ortodônticos invisíveis são necessários

Assim como as pessoas vão ao clínico geral e fazem exames para checar seu estado de saúde de tempos em tempos, é preciso fazer o mesmo com a saúde bucal. É importante lembrar que cuidar dos dentes não é apenas cuidar do aspecto estético dos mesmos. Dentes que não são alinhados corretamente podem resultar em outros problemas bucais e consequentemente para a saúde no geral.

Por isso, as pessoas devem fazer visitas regulares ao dentista. E, se precisarem de um tratamento com alinhadores ortodônticos invisíveis, é de extrema importância que procurem um profissional da ortodontia, e certificar-se que o mesmo possui registro no CRO (Conselho Regional de Odontologia).


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Consulta Ideal atende alinhadores ortodônticos invisíveis: