clareamento dentário

Como funciona o clareamento dentário

O clareamento dentário é um procedimento odontológico que tem como objetivo promover o branqueamento dos dentes, que acabam amarelados e escurecidos devido ao consumo de alimentos e bebidas que possuam pigmentação, como é o caso de café, chá, refrigerantes, doces, entre outros. Além disso, os dentes ficam mais escuros e manchados com o passar dos anos, que ocasiona o desgaste do esmalte que protege os dentes.

A realização do clareamento dentário consiste na aplicação de um gel clareador sobre os dentes. A ação do produto promove a liberação de oxigênio, substância responsável pela quebra das partículas de pigmentos que causaram as manchas nos dentes. O procedimento é realizado sob a orientação de um dentista profissional, que pode indicar a realização do clareamento no consultório ou mesmo de forma caseira, orientando o paciente.

Tipos de clareamento dentário

É importante que os pacientes sejam orientados sobre as contraindicações mais comuns para a realização do clareamento dentário:

  • Gestantes e lactantes;
  • Pacientes menos de 18 anos;
  • Pacientes quimioterápicos e radioterápicos;
  • Pacientes com sensibilidade e gengiva irritada.

O clareamento dentário caseiro é realizado da seguinte forma: após a avaliação das condições bucais do paciente, o dentista deve oferecer ao paciente um molde onde o gel clareador será aplicado. O molde deve ser colocado sobre os dentes durante o tempo estabelecido pelo dentista. A duração do tratamento pode variar conforme a profundidade das manchas e costuma ser menos agressivo para os dentes.

Em relação ao clareamento dentário que é realizado no consultório, o dentista deve aplicar o agente clareador diretamente sobre os dentes do paciente. Após a aplicação do produto, o profissional utiliza uma fonte de energia, ou seja, um equipamento a laser para ativar ainda mais a substância utilizada e potencializar os efeitos clareadores do material nos dentes do paciente, que deve utilizar um protetor interno para se proteger de queimaduras.

Durabilidade do clareamento

Após o clareamento dentário, os pacientes podem apresentar um certo grau de sensibilidade nos dentes, mas que deve passar em pouco tempo. Como forma de garantir a durabilidade dos resultados, é preciso evitar os principais agentes potencializados do escurecimento dos dentes: bebidas e alimentos que possam muito corante e pigmentos, que acabam manchando os dentes e prejudicando a aparência e o sorriso dos pacientes.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Consulta Ideal atende clareamento dentário: